Mostrar el registro sencillo del ítem

dc.contributor.authorNociolini Rebechi, Claudia
dc.date.accessioned2016-04-04T08:57:02Z
dc.date.available2016-04-04T08:57:02Z
dc.date.issued2015-12-04
dc.identifier.isbn2174-3681
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/10630/11112
dc.description.abstractO propósito deste artigo é tratar sobre o papel do Instituto de Organização Racional do Trabalho (IDORT) na constituição e consolidação da atividade de relações públicas no Brasil. O IDORT, na primeira metade do século XX, teve importante atuação na difusão dos princípios que orientaram as formas de organização e gestão do trabalho em empresas no país. Dentro deste cenário, as relações públicas foram consideradas pelo IDORT uma atividade fundamental para a administração das relações de trabalho no contexto organizacional. Tendo isso em vista, o IDORT desenvolveu várias ações para legitimar as relações públicas brasileiras, sobretudo nos anos 1950 e 1960.es_ES
dc.language.isopores_ES
dc.publisherIIRPes_ES
dc.rightsinfo:eu-repo/semantics/openAccesses_ES
dc.subjectRelaciones Públicases_ES
dc.subject.otherHistoria de las Relaciones Públicases_ES
dc.titleO papel do IDORT na legitimação das relações públicas no Brasiles_ES
dc.title.alternativeThe role of IDORT in the legitimacy of public relations in Braziles_ES
dc.typeinfo:eu-repo/semantics/articlees_ES
dc.centroFacultad de Ciencias de la Comunicaciónes_ES
dc.cclicenseby-nc-ndes_ES


Ficheros en el ítem

Este ítem aparece en la(s) siguiente(s) colección(ones)

Mostrar el registro sencillo del ítem